Azul linhas aéreas. Companhia aérea do Brasil.

PARA SUA VIAGEM

Informações para Viajar
Cão Guia / Cão de Serviço

Informações necessárias para sua viagem.

Para realizar viagens internacionais na companhia de um cão guia, é necessária a apresentação da documentação específica. Fique atento a documentação:

  • O cão deve estar equipado com arreio e alça para condução;
  • Apresente a carteira de vacinação: para todo animal com mais de 3 meses é exigida a vacina contra a raiva. A vacina tem validade de 1 ano e deve ter sido ministrada 30 dias antes da viagem;
  • Carteira do cão identificando-o como Cão Guia, com nome e registro da escola;
  • Plaqueta de identificação do animal;
  • Garanta também o Certificado de Saúde emitido pelo médico veterinário. O prazo de validade do Certificado é de 10 dias a contar da data de sua emissão.
  • CVI ou CZI – Certificado Veterinário Internacional ou Certificado Zoo Sanitário Internacional - Fornecido pela Vigiagro, ligado ao Ministério da Agricultura. O telefone para contato é (11) 2445-3683. A Vigiagro também emite o Passaporte do Animal, que substitui o CVI/CZI.

É importante também que esta informação seja dada durante o momento da compra. Durante o preenchimento dos dados pessoais, selecione esta opção na área "Atendimento Especial" do formulário.

*A Azul não transporta animais com menos de 4 meses de vida.

Em caso de dúvidas, entre em contato com a nossa Central de Atendimento 4003-1118.

Viagens DE/PARA Estados Unidos da América

 
Suspensão do transporte de Cães

O CDC determinou, a partir de 13/07/2021, a suspensão da importação de cães para os EUA. Esta regra se aplica aos que forem transportados na cabine, despachados como bagagem de passageiro ou transportados como carga em voos para os Estados Unidos. Essas regras também se aplicam se você estiver apenas visitando os Estados Unidos com seu cão, importando cães para os Estados Unidos ou viajando para fora dos Estados Unidos e retornando com seu cão após uma visita temporária, como férias ou feriado, ou para visitar amigos e parentes, e inclui animais de serviço e cães de apoio emocional.
 
Porém, cães de serviço, conforme definido pela definição do DOT da Parte 382 (se o cão for treinado individualmente para trabalhar ou executar tarefas para o benefício de um indivíduo com deficiência, incluindo um físico, sensorial, psiquiátrico, intelectual ou outras deficiências mentais) são incluídos como uma categoria que pode ser isenta da proibição.
Para solicitar uma isenção para um cão de serviço, o passageiro deve receber uma aprovação prévia por escrito, preenchendo um Pedido de Permissão de Importação de Cachorro com o CDC para importar para os EUA.
 
A solicitação de uma aprovação prévia por escrito deve ser submetida ao CDC pelo menos 30 dias úteis antes da data de chegada do voo. Além disso, como parte do Pedido de Autorização de Importação de Cachorro, o passageiro pode ter que fornecer documentação ou evidência de que o cão a ser importado é de fato um cão de serviço, sendo que atualmente é permitida a entrada apenas pelos Aeroportos: Anchorage, Atlanta, Boston, Chicago (ORD), Dallas, Detroit, Honolulu, Houston, Los Angeles, Miami, Minneapolis, New York (JFK), Newark, Philadelphia, San Francisco, San Juan, Seattle, e Washington, DC (Dulles).

Mais informações, confira aqui.

Regras gerais

Se, no caso de isenção de proibição, confirmado e aprovado pelo CDC,  o passageiro deve seguir as regras abaixo:

O animal não pode:

  • Sentar-se na fileira da saída de emergência
  • Acessar ou bloquear os corredores
  • Ocupar um assento
  • Comer nas mesas

Restrição de locomoção na cabine:

Para cães pequenos, a Azul sugere que o transporte seja realizado em container. São aceitos dois tipos de embalagem: o container rígido ou a mala flexível. As dimensões devem ser de, no máximo, 43 cm comprimento X 31,5 cm de largura X 20 cm de altura.

Para cães médios e grandes, o cão deve se acomodar no chão e no pé do passageiro, sendo necessário utilizar coleira com guia.

Observação:

A AZUL poderá negar o transporte do cão, caso:

  • O animal represente uma ameaça à saúde ou segurança;
  • Comportamento do animal permite concluir que ele não possuí o treinamento adequado. Ex: correr livremente, latir, rosnar, morder ou pular em pessoas, urinar ou defecar na cabine ou área do portão de embarque;
  • Falta do preenchimento dos formulários por parte dos passageiros;
  • Se o transporte do animal violar requisitos de segurança ou de saúde aplicáveis a qualquer Órgão dos EUA ou de governo estrangeiro.

Envio

O formato de anexo deve ser salvo em JPG ou PDF.

Nesta ocorrência é possível anexar até 10 arquivos.

 

Para enviar o documento preenchido, informe os dados abaixo:

*São permitidos no máximo 10 arquivos.

limpar anexos

 

 

Seus dados foram enviados com sucesso.

Dentro de 48 horas sua solicitação será analisada.

Chat Online